domingo, 9 de setembro de 2007

QUEM SOMOS

Trabalho realizado pelos alunos do 1º militar do Grupo Educacional Ideal, Ana Paula Costa Rabello,Edson Roberto Pinto Junior,Giulidia das Graças Almeida Dias,Jader Mariano da Silva,Yasmin Barros Monteiro e Yasmin Plácido Salmen Hussain, com a orientação do professor Celso Flexa, com a finalidade de apresentar os três transtornos alimentares mais praticados e suas conseqüências .

INTRODUÇÃO

Atualmente no mundo pessoas estão morrendo por questões estéticas,elas buscam a adaptação ao padrão de beleza, pois nos últimos trinta anos, o padrão de beleza imposto pela mídia é o da magreza extrema ou fisico malhado, impondo, principalmente para as mulheres, uma luta com o seu próprio corpo para conseguirem atingir uma forma quase esquelética, considerado pelo mundo atual o corpo belo. Porém muitas para conseguirem alcançar o seu objetivo recorrem a dietas pesadas, malhação exagerada ou até a isenção completa da comida, este reducionismo causa distúrbios alimentares, os mais conhecidos são a anorexia, bulimia e a vigorexia.

ANOREXIA


A anorexia é um transtorno alimentar que é caracterizado por uma perda deliberada do peso e principalmente por um pavor enorme de engordar mesmo estando abaixo do peso normal, quem sofre deste distúrbio tem uma imagem distorcida do próprio corpo. É uma doença muito grave, e muitas vezes mortal apelidada de Ana pelas anoréxicas ou anorécticas, que mata aos poucos, silenciosamente, na maioria das vezes atinge jovens de 15 a 25 anos, que ao entrarem desta dieta mortal para atingirem o corpo perfeito, acabam afetando o seu metabolismo e seu crescimento, pois é nesta faixa que o corpo se desenvolve para entrar na fase adulta.Estas jovens consideram a doença como sua única amiga, e seguem fervorosamente uma dieta brutal, às vezes ficam dias sem comer.

BULIMIA


Assim como na anorexia, a bulimia é uma síndrome causada por vários fatores biológicos, psicológicos, familiares e culturais, porém a doença é o contrario da anorexia pois as pessoas ingerem grandes quantidades de alimentos se tornando compulsiva, e depois, utilizam métodos compensatórios, como vômitos induzidos, uso de laxantes e diuréticos e prática de exercícios acentuados como forma de evitar o ganho de peso pelo medo de engordar, mas diferente da anorexia, na bulimia não há perda de peso, assim dificultando a detecção da doença. A doença ocorre mais freqüentemente em mulheres jovens em torno de 17 anos, embora possa ocorrer mais raramente em homens e mulheres com mais idade essas pessoas têm vergonha de seus sintomas, evitam comer em público e evitam lugares onde precisam mostrar o corpo. À medida que a doença vai se desenvolvendo, essas pessoas só se interessam por assuntos relacionados à comida, peso e forma corporal.

VIGOREXIA


Os transtornos alimentares não se dão apenas em um corpo magro, mas também em busca de um corpo em forma,musculoso. A vigorexia se caracteriza pelo excesso de preocupação em ter um corpo forte. Os portadores desse transtorno ficam horas malhando,muitos deles nas academias ,lugares preferidos para a malhação. Passam horas exercitando-se e constantemente medindo sua musculatura para verificar se já obtiveram resultados. Apesar de tantas horas de exercícios ''pesados'',ainda sim se consideram magros e fracos.Uma das respostas para esse exagero é que os portadores desse transtorno têm “incoformidade” com seu corpo.Em casos que o desejo por um corpo perfeito é tanto que os vigorexos apelam para os esteróides anabolizantes, que prejudicam a saúde.A causa do uso dos anabolizantes pelos vigoréxicos é que eles possuem a função de manter as características masculinas e ele aumenta a síntese protéica e assim aumenta a massa muscular do corpo . Esta doença é mais comum nos homens ,mas também há casos em mulheres

CONCLUSÃO

Uma diminuição na ênfase da aparência física, tanto no aspecto cultural como familiar, praticas regulares de exercícios, alimentação saudável, pode eventualmente reduzir a incidência desses quadros; informações sobre esses problemase suas consequências, pois é muito importante fornecer informações a respeito de regimes rigorosos para obtenção de uma silhueta "ideal", já que eles desempenham um papel fundamental no desencadeamento dos transtornos alimentares.
video

SINTOMAS

Anorexia, os sintomas mais freqüentes são:


1. medo intenso a ganhar peso, mantendo-o abaixo do valor mínimo normal.
2. pouca ingestão de alimentos ou dietas severasimagem corporal distorcida
3. sensação de estar gorda quando se está magragrande perda de peso (freqüentemente em um período breve de tempo)
4. sentimento de culpa ou depreciação por ter comido
5. hiperatividade e exercício físico excessivo
6. perda da menstruação
7. excessiva sensibilidade ao frio
8. mudanças no caráter (irritabilidade, tristeza, insônia, etc.)

Bulimia os sintomas mais freqüentes são:


- Comer compulsivamente em forma ataques de fome e a escondidas
- Preocupação constante em torno da comida e do peso
- Condutas inapropiadas para compensar a ingestão excessiva com o fim de não ganhar peso, tais como o uso excessivo de fármacos, laxantes, diuréticos e vômitos provocados.
- Manutenção do peso pode ser normal ou mesmo elevado
- Erosão do esmalte dentário, podendo levar à perda dos dentes
- Mudanças no estado emocional, tais como depressão, tristeza, sentimentos de culpa e ódio para si mesma.


Vigorexia,os sintomas mais freqüentes são:


1. Preocupação exagerada com o próprio corpo
2. Distorção da Imagem Corporal3. Baixa autoestima
4. Personalidade Introvertida
5. Fatores sócio-culturais comuns
6. Tendência a automedicação
7. Idade de aparecimento igual (adolescência)
8. Modificações da dieta
9.Usos contínuos de anabolizantes
10.Exercícios físicos exagerados em busca de resultados imediatos.